NÚCLEO DE CIDADANIA

Novo posto do TRE na CMBH permitirá 300 atendimentos/dia

Funcionando de forma experimental nos últimos três dias, a unidade já realizou mais de 500 recadastramentos biométricos eleitorais

quinta-feira, 1 Março, 2018 - 15:15
Presidente do TRE-MG, Edgard Amorim, e presidente da Câmara, Henrique Braga, sobre tapete vermelho, abrindo laço de fita vermelha que atravessa o corredor
Foto: Karoline Barreto/ CMBH

Em ano eleitoral, a corrida para regularização dos títulos de eleitores e recadastramento biométrico deve se intensificar. Buscando facilitar o acesso da população a esses e outros serviços da Justiça Eleitoral, a Câmara de BH inaugurou nesta quinta-feira (1º/3), em sua sede, um novo posto de atendimento do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-MG), com capacidade para receber mais de 300 pessoas diariamente. O posto do TRE se somará a outras seis unidades de atendimento já instaladas no Núcleo de Cidadania, que, por meio de parcerias com órgãos do Poder Executivo e do Judiciário, oferece variados serviços como emissão de carteira de trabalho e de cédulas de identidade, refeições a preços populares e acesso gratuito à internet. Conheça aqui os diversos serviços disponíveis e visite o Núcleo de Cidadania.

A cerimônia de inauguração contou com a presença do vice-prefeito e secretário municipal de Governo, Paulo Lamac, e dos presidentes da Câmara, vereador Henrique Braga (PSDB), e do TRE, desembargador Edgard Penna Amorim, assim como da diretora do Foro Eleitoral de Belo Horizonte, juíza Andrea Miranda. 

Acompanhados por outros vereadores de Belo Horizonte e alguns servidores, Henrique Braga e Paulo Lamac aproveitaram para realizar o cadastro biométrico e emitir nova via de seus títulos eleitorais, marcando o início oficial das atividades do novo posto de atendimento.

“A Justiça Eleitoral tem procurado ampliar ao máximo as condições de atendimento ao eleitor, e o novo posto na Câmara de BH se alinha a essa perspectiva”, destacou o presidente do TRE-MG, Edgard Amorim, lembrando que, apesar de ainda não ser um procedimento obrigatório em Belo Horizonte, o recadastramento biométrico dos eleitores deve alcançar toda a população até 2020. “É preciso, portanto, implantar os instrumentos para que o eleitor consiga se cadastrar. Convidamos a todos para que se antecipem e já procurem os postos de atendimento”, completou o desembargador, destacando que 25% dos eleitores já se adequaram à biometria.

Na mesma perspectiva, o presidente Henrique Braga ressaltou a importância do novo posto inaugurado no Núcleo de Cidadania, afirmando que é intenção da Câmara favorecer o acesso da população a diversos serviços públicos, em especial, a emissão de documentos, tão necessários para a vida diária.

Reestruturação do Núcleo

O presidente lembrou que, apenas no último ano, o Núcleo de Cidadania passou por três grandes etapas de reformas e reestruturação para ampliar seu atendimento. Em março do ano passado, mudanças na configuração e estrutura do espaço permitiram a ampliação da capacidade de atendimento do Posto de Identificação, antes limitada a 72 senhas por dia, para 200 pessoas. Já no início de 2018, a conclusão de melhorias no Refeitório Popular permitiu a reabertura do serviço, garantindo a oferta de centenas de refeições diariamente. Para receber os serviços do TRE-MG, o Núcleo passou por nova repaginação, garantindo a estrutura necessária ao pleno atendimento.

O posto do TRE-MG está composto por seis guichês para atendimento simultâneo ao cidadão e oferece todos os serviços ao eleitor, tais como alistamento eleitoral, recadastramento biométrico, transferência de título, emissão de segunda via do documento, atualização de dados cadastrais, emissão de certidões e regularização eleitoral.

Atendimento agendado

Para ter acesso aos serviços, o cidadão deverá realizar agendamento prévio, que pode ser feito por meio deste link, no portal do TRE-MG, ou pelo Disque-Eleitor (148). O formulário eletrônico permite ao eleitor escolher o posto de atendimento de seu interesse, onde está disponível a opção da Câmara de BH.

Para o coordenador de Assuntos Sociais da Câmara, responsável pela gestão do Núcleo de Cidadania, Mauro Felipe, “a chegada do TRE requalifica o nosso espaço e fortalece nossas ações sociais”, completa. “Temos um espaço que concentra vários serviços e isso facilita muito a vida do cidadão”, destacou o gestor, lembrando que a expectativa é receber no posto do TRE cerca de 300 pessoas por dia. Apenas nos últimos três dias, com funcionamento experimental para implantação do serviço, mais de 500 títulos foram recadastrado no sistema biométrico.

Superintendência de Comunicação Institucional

[flickr-photoset:id=72157694008919235,size=s]