VISITA TÉCNICA

Parlamentares vão verificar danos estruturais na Escola Municipal Imaco

PBH interditou a unidade e transferiu as aulas para outro edifício, alegando presença de rachaduras e riscos à segurança

segunda-feira, 26 Março, 2018 - 16:30
Foto: Google Maps

Uma das mais tradicionais escolas públicas de ensino fundamental de Belo Horizonte, a Escola Municipal Imaco pode passar por nova mudança de endereço, impactando a rotina de mais de 700 estudantes. Alegando presença de rachaduras e riscos à segurança dos alunos e funcionários, a Prefeitura anunciou a interdição da unidade, no início deste mês, e a transferência das aulas para um prédio da Secretaria Municipal de Educação, no Bairro Santo Antônio (região Centro-Sul). Diante da gravidade do anúncio, a Comissão de Educação, Ciência, Tecnologia, Cultura, Desporto, Lazer e Turismo visitará a sede do Imaco, na Rua Gonçalves Dias, 1188 (Funcionários), para verificar os problemas estruturais que justificaram a interdição do prédio. A visita está prevista para a próxima terça-feira (27/3), a partir das 10h

Não é a primeira vez que a unidade muda de endereço. A E.M. Imaco funcionou no interior do Parque Municipal Américo René Giannetti, na Avenida Afonso Pena, durante mais de 50 anos, após sua inauguração em meados nos anos de 1950. Há pouco mais de 10 anos, a escola foi transferida para a Rua Gonçalves Dias, no Bairro Funcionários, onde funcionou até o início deste mês.

Realizada a requerimento do vereador Gilson Reis (PCdoB), a visita deve contar com a presença de representantes da Secretaria Municipal de Educação e da Coordenadoria Estadual de Defesa Civil (MG).

Superintendência de Comunicação Institucional

Tema: