AUDIÊNCIA PÚBLICA

Parlamentares vão debater risco de despejo de 700 famílias no Barreiro

Moradores da Ocupação Fábio Alves estão em meio à disputa pela posse do terreno por grupos privados; debate é nesta segunda (15/7)

sexta-feira, 12 Julho, 2019 - 13:30
Foto: Reprodução Facebook Ocupação Professor Fábio Alves

Abrigando mais de 700 famílias, a Ocupação Professor Fábio Alves, no Bairro Marilândia (Região do Barreiro) tem vivido com o constante risco de despejo nos últimos dias. A situação foi apresentada pela vereadora Bella Gonçalves (Psol) à Comissão de Direitos Humanos e Defesa do Consumidor, que realizará audiência pública para debater o tema na próxima segunda-feira (15/7), a partir das 13h, no Hall da Presidência (Portaria 1).

A vereadora destaca que, apesar de alguns particulares reivindicarem a posse do terreno e solicitarem a retirada dos moradores, a área se encontrava abandonada há mais de 50 anos. A comunidade conta que a origem do terreno é pública, sendo parte de um projeto de industrialização do Barreiro – Distrito Industrial do Vale do Jatobá  –, que não se concretizou em sua totalidade. O terreno ocupado pertenceria à zona industrial do Jatobá.

São esperados para a audiência representantes da Ocupação Prof. Fabio Alves (do Movimento Luta Popular); da Defensoria Especializada em Direitos Humanos, Coletivos e Socioambientais (DPDH) da Defensoria Pública do Estado de Minas Gerais; da Promotoria de Defesa dos Direitos Humanos e Apoio Comunitário de Belo Horizonte do Ministério Público de Minas Gerais; da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social, da Secretaria Municipal de Política Urbana e da Companhia Urbanizadora de Belo Horizonte (Urbel).

Superintendência de Comunicação Institucional