SAÚDE E SANEAMENTO

Sede do SAMU, no Bairro Coração Eucarístico, será vistoriada no dia 23 de abril

Comissão emitiu parecer favorável a projeto de lei que assegura direitos a pessoas com fibromialgia

quarta-feira, 17 Abril, 2019 - 17:30
Foto: Karoline Barreto/CMBH

No dia 23 de abril, os parlamentares da Comissão de Saúde e Saneamento realizarão visita técnica ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência - SAMU, no Bairro Coração Eucarístico. A decisão foi tomada durante reunião do colegiado, nesta quarta-feira (17/4), quando também foi aprovada visita técnica ao Centro de Saúde do Bairro Campo Alegre, que acontecerá no dia 2 de maio. Os vereadores ainda deliberaram favoravelmente a parecer que conclui pela aprovação de projeto de lei que inclui portadores de fibromialgia no atendimento preferencial já dispensado a idosos, gestantes e deficientes em organizações públicas e privadas. Ao todo, os parlamentares apreciaram seis proposições na reunião.

A comissão irá conhecer a infraestrutura de apoio e retaguarda técnica operacional do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU, no dia 23 de abril, às 9h, no Bairro Coração Eucarístico. A visita técnica, requerida pelo vereador Dimas da Ambulância (Pode), deverá possibilitar encaminhamentos para os órgãos competentes, no sentido de promover ajustes e aperfeiçoamento do serviço, classificado pelo parlamentar como “imprescindível para a população”. A sede do SAMU, que receberá os parlamentares, está localizada na Rua Dom Aristides Porto, 3.

Centro de Saúde

Com o objetivo de fiscalizar o atendimento prestado aos cidadãos, a infraestrutura, os equipamentos e as condições de trabalho dos servidores do Centro de Saúde do Bairro Campo Alegre, a comissão realizará visita técnica à unidade, no dia 2 de maio, às 10h. A unidade está situada na Rua Osório Duque Estrada, 491. O requerimento para realização da visita é de autoria do vereador Reinaldo Gomes (MDB).

Fibromialgia

A Comissão de Saúde e Saneamento emitiu parecer favorável ao PL 715/19, que objetiva incluir os portadores de fibromialgia no mesmo atendimento preferencial já destinado a idosos, gestantes e deficientes em empresas públicas, empresas concessionárias do serviço público e empresas privadas durante todo o horário de expediente das mesmas. O projeto também pretende assegurar que portadores da doença possam utilizar vagas de veículos destinadas a este público preferencial. A proposição institui, ainda, o 12 de maio como o Dia Municipal da Fibromialgia, quando o Poder Executivo deverá realizar palestras, debates, aulas e seminários de discussão sobre a doença, caracterizada como uma síndrome que faz com que o paciente sinta dores por todo o corpo durante longos períodos. O projeto, que é de autoria do vereador Henrique Braga (PSDB) e tramita em 1º turno, será encaminhado para análise da Comissão de Administração Pública.

Confira aqui o resultado completo da reunião.

Assista ao vídeo da reunião na íntegra.

Superintendência de Comunicação Institucional 

9ª Reunião Ordinária -Comissão de Saúde e Saneamento