VISITA TÉCNICA

Instalações do CREAB Venda Nova serão percorridas nesta sexta-feira

Objetivo da comissão é verificar condições atuais de funcionamento e obter informações sobre as melhorias previstas

quinta-feira, 26 Outubro, 2017 - 17:45
Fachada do CREAB Venda Nova, no Bairro São João Batista
Foto: Google Street View

Por solicitação do vereador Cláudio da Drogaria Duarte (PMN), a Comissão de Saúde e Saneamento realizará nesta sexta-feira (27/10) visita técnica ao Centro de Reabilitação de Venda Nova (Creab), com a finalidade de verificar as condições estruturais e de funcionamento da unidade, ouvir servidores e usuários e obter informações da Secretaria Municipal de Saúde sobre o planejamento global para melhorias na prestação dos serviços à comunidade.  A atividade terá início às 9h, na Rua Elce Ribeiro, s/n°, esquina com Rua Mariana Amélia de Azevedo, no Bairro São João Batista, e deverá ser acompanhada por representantes da Prefeitura e conselheiros de saúde.

Voltado a pessoas com deficiência ou que precisam de tratamento em reabilitação, o Centro de Reabilitação Venda Nova foi inaugurado em dezembro de 2016. Os serviços oferecidos no local incluem, entre outros, avaliação de pacientes pós-traumáticos e pós-operatórios, tratamento clínico especializado, acompanhamento individual e familiar e prevenção de deformidades, feitos por profissionais das áreas de Fisioterapia, Terapia Ocupacional, Fonoaudiologia, Assistência Social, Psicologia e Enfermagem.

Acolhendo inicialmente cerca de 300 pessoas por mês, a unidade prevê, em sua capacidade total, o atendimento de até mil pacientes no mesmo período. O público-alvo do Creab são pessoas com deficiência física ou intelectual, como recém-nascidos de risco ou com deficiência estabelecida; crianças, adolescentes, adultos e idosos com deficiências físicas ou intelectuais; acompanhamento pós-alta hospitalar; pessoas que sofreram Acidente Vascular Cerebral (AVC) ou Traumatismo Crânio Encefálico e quadros pós-operatórios recentes que possam ser atendidos em ambulatório.

Segundo informações do portal da PBH, o equipamento, que custou R$ 6,17 milhões aos cofres municipais, dispõe de 13 consultórios e de três ginásios para atender à comunidade. No primeiro andar, são oferecidas salas de hidroterapia e fisioterapia, atendimento cardiorrespiratório, laboratórios de órtese e prótese, neurologia infantil, neurologia adulta, terapia ocupacional e vestiários com acessibilidade aos pacientes. O segundo pavimento dispõe de almoxarifado, salas administrativas, copa-refeitório, terraço para descanso e de vestiários masculino e feminino para os funcionários.

Pacientes da capital e do interior

Além dos serviços de reabilitação acima citados, os Creabs da Rede SUS-BH também oferecem à população o setor de nutrição. O encaminhamento dos pacientes é feito por meio dos centros de saúde e demais unidades da rede complementar. Além do Creab Venda Nova, o município conta com as unidades Centro-Sul, que recebe usuários das Regiões Centro-Sul, Barreiro, Norte e Pampulha; Leste, que atende pacientes das Regiões Leste e Nordeste; e Noroeste, referência para pacientes das Regiões Noroeste e Oeste. Além disso, todas as unidades recebem pacientes de outros 113 municípios do estado para concessão de órteses, próteses e meios auxiliares de locomoção.

Convidados

Para acompanhar a visita técnica e responder aos questionamentos da vereadores e usuários, foram convidados o secretário municipal de Saúde, Jackson Machado, o coordenador da Regional Venda Nova, Humberto Pereira de Abreu Júnior, as presidentes dos Conselhos Municipal e Distrital de Saúde, Alessandra Santos e Suelen Dionísio Rodrigues; o presidente da Comissão de Saúde das Pessoas com Deficiências, João Kerson; e o Diretor Executivo da AMIB,  Luiz de Souza.

Superintendência de Comunicação Institucional