SERVIÇOS

Núcleo de Cidadania aumenta atendimento à população com retomada presencial

Espaço tem unidades do Procon, Sine, Posto de Identificação da Polícia Civil, Acolhimento à Mulher e Conciliação

terça-feira, 7 Dezembro, 2021 - 17:45
Foto: Abraão Bruck/CMBH

Com o aumento da cobertura vacinal em Belo Horizonte, a melhoria dos índices da pandemia de coronavírus e a flexibilização parcial das restrições sociais, o Núcleo de Cidadania da Câmara Municipal de Belo Horizonte retomou o atendimento presencial de serviços que estavam suspensos ou em funcionamento exclusivamente remoto, sem perder o foco na segurança. Com isso, mais pessoas estão procurando a unidade, que auxilia o cidadão na solução de problemas, acesso a documentos e busca de empregos, por meio de parcerias com outros órgãos públicos. 

Há seis meses, o Núcleo já vem oferecendo presencialmente, mediante agendamento pelo Portal CMBH, os serviços Posto do Sistema Nacional de Emprego (Sine), do Procon e do Posto de Identificação. Inaugurado já durante a pandemia, o Ponto de Acolhimento e Orientação à Mulher em Situação de Violência se manteve sempre aberto. 

O serviço de Internet Popular, que oferece ao cidadão gratuitamente acesso à internet e serviço de impressão (até cinco folhas por dia), foi reaberto. O atendimento se dá por ordem de chegada, com distribuição de senhas às 8h e às 12h. Também o Posto de Atendimento Pré-processual (Papre), unidade do TJMG voltada para a conciliação de demandas que ainda não se tornaram processos judiciais, passou a realizar atendimento presencial das 8h às 17h, mantendo em paralelo funcionamento remoto. 

O Procon e o Posto de Identificação mantiveram o agendamento do atendimento via portal, mas aumentaram o número de atendimentos presenciais diários, funcionando  8h às 17h. O Procon passou de 8 para 20 atendimentos por dia, enquanto o Posto de Identificação recebe em média 60 pessoas diariamente (média era de 25). 

Blandina Izabel Coelho de Oliveira, estudante de fisioterapia, veio ao Procon buscar orientações sobre passagens aéreas compradas no ano passado. “Comprei passagens aéreas para uma viagem durante a Semana Santa do ano passado e não pude ir devido à pandemia de coronavírus”, disse. A estudante contou que a empresa cobrou um valor muito alto para remarcar as passagens e ofereceu a ela a opção de devolver cerca de 20% do valor pago. Blandina explicou que o Procon da Câmara foi recomendado por conhecidos pela qualidade do atendimento. “Fui orientada a entrar na justiça, o atendimento foi esclarecedor. Estava aflita”, concluiu.

Serviços

O Núcleo de Cidadania da Câmara de BH tem o objetivo de atender demandas da população e aumentar a proximidade do Legislativo com a sociedade. A unidade funciona no prédio da Câmara Municipal de Belo Horizonte, com acesso pela Portaria 3 (estacionamento), na Avenida Churchill, Bairro Santa Efigênia. 

Confira os serviços oferecidos: 

Superintendência de Comunicação Institucional